Agência das Bacias PCJ recebe 19 inscrições para projetos de demanda espontânea

Tamanho da letra:

O orçamento total dos projetos é de cerca de R$ 43,5 milhões, sendo R$ 35,3 milhões de repasses e outros R$ 8,3 milhões de contrapartida dos tomadores; o valor disponível para financiamento em 2018 só será conhecido no final do processo

A Agência das Bacias PCJ recebeu, entre os dias 6 e 8 de novembro, as inscrições de 19 projetos de demanda espontânea para captação de recursos das Cobranças PCJ e da Compensação Financeira dos royalties do setor hidrelétrico. São nove projetos na área de combate às perdas de água (Programa de Duração Continuada 05) e outros 10 relacionados ao tratamento de esgoto (PDC03).

O valor disponível para financiamento em 2018 só será conhecido no final do processo. O orçamento total dos projetos é de R$ 43.563.219,17, sendo R$ 35.294.316,69 de repasses e outros R$ 8.268.902,48 de contrapartida dos tomadores.

Para os 10 empreendimentos do PDC 03, estão sendo pleiteados R$ 18.607.341,55 de repasse e outros R$ 2.713.530,40 de contrapartida, totalizando R$ 21.320.871,95. Já para os 9 empreendimentos do PCD 05 são R$ 16.686.975,14 de repasses e R$ 5.555.372,08 de contrapartida, um total de R$ 22.242.347,22.

O prazo de inscrição foi entre os dias 6 e 8 de novembro. O processo acontece anualmente e é realizado pela Agência das Bacias PCJ e Comitês PCJ. Desde quinta-feira (09.11.2017), a coordenadora de Projetos da Agência das Bacias PCJ, Elaine Campos, e colaboradores do setor estão fazendo a análise de pré-qualificação de cada um dos empreendimentos. Esse trabalho vai até 12 de janeiro de 2018. Os projetos também serão analisados pelos órgãos licenciadores e outorgantes e pelas Câmaras Técnicas dos Comitês PCJ.

O PDC 03 engloba ações para a Recuperação da Qualidade dos Corpos D’água, relacionadas ao tratamento de efluentes urbanos, efluentes das ETAs (Estações de Tratamento de Água) e disposição final dos lodos de ETEs (Estações de Tratamento de Esgoto), além do tratamento dos efluentes dos sistemas públicos de disposição final de resíduos sólidos – chorume. Já o PDC 05 (Promoção do Uso Racional dos Recursos Hídricos) engloba uma série de ações para a racionalização do uso da água no sistema de abastecimento urbano, principalmente relacionadas ao combate às perdas hídricas.

Saiba mais sobre o assunto neste link: http://www.agencia.baciaspcj.org.br/novo/imprensa/noticias/701-agencia-das-bacias-pcj-e-comites-pcj-abrem-inscricoes-para-empreendimentos-de-demanda-espontanea